Decoração de quarto infantil: 8 dicas essenciais para deixar o ambiente moderno e seguro

decoração de quarto infantil

Quando pensamos em decoração de quarto infantil, logo imaginamos aqueles lindos quartos para bebês, usados em fotografia newborn ou aqueles lindos stands montados para recém-nascidos.

Mas decorar um quarto infantil, vai muito mais além de berços e sofás para amamentar.

Decorar o quarto de uma criança é uma tarefa divertida que pode se tornar uma oportunidade para reunir toda a família no planejamento e na montagem. Seja porque as crianças estão crescidas e precisam de um espaço adequado às suas necessidades, de mudança para uma nova casa ou de desejo de proporcionar um ambiente mais aconchegante e divertido para os pequenos.

No entanto, ao considerar a decoração de quarto infantil existem alguns pontos que devem ser analisados para garantir o sucesso da remodelação.

Decoração de quarto infantil: Como planejar o ambiente

1. Funcionalidade

Acima de tudo, o quarto de uma criança é um espaço que deve ser funcional e adequado às suas necessidades, uma vez que nele passarão grande parte do seu tempo a fazer tarefas muito diversas como brincar, estudar e descansar.

Decorar o quarto de uma criança maior não é o mesmo que o quarto de um bebê, nem será o mesmo se for um quarto compartilhado. O primeiro passo é verificar se os móveis para quarto infantil são adequados para a idade e altura da criança, por quanto tempo podem ser úteis ou se podem ser reaproveitados ou adaptados posteriormente.

O espaço que fica vazio ou “livre” também é de igual importância, pois servirá como área de lazer e evitará que a sala fique sobrecarregada.

2. Segurança

Embora este ponto também dependa da idade das crianças, existem elementos comuns que devem ser analisados: quantas janelas existem e qual a altura delas? Podem representar um perigo para a criança? De que material é feito o chão? Escorregadio, muito duro ou irregular? Há plugues que precisam ser cobertos?

Não é aconselhável ter dispositivos eletrônicos ou outros dispositivos permanentemente conectados, pois além de serem potencialmente perigosos, eles geram ondas eletromagnéticas que podem afetar crianças.

Na decoração de quarto infantil, dê preferências a itens básicos que estimulem a criatividade dos pequenos, como jogos de tabuleiro, brinquedos simples, livros de pintar, etc., de forma organizada em alguns espaços ou nichos.

3. Ordem

Um quarto limpo e arrumada não é apenas reflexo de bons hábitos, mas também influencia o bem-estar, a concentração e o humor das crianças, além de ajudá-las a desenvolver outras habilidades importantes para a vida. O ideal é que o quarto tenha lugares suficientes para guardar roupas, livros, brinquedos e outros suprimentos necessário para desenvolvimento da criança.

4. Cores

A cor, esquema de cores e/ou papel de parede deve ser equilibrado para que a criança se sinta confortável e se aproprie do seu espaço, além de permitir que ela descanse ou concentre-se quando necessário. Os especialistas em Feng Shui recomendam usar cores neutras para as paredes e móveis, e deixar as mais vivas para roupas de cama, travesseiros, brinquedos e tapetes.

5. Iluminação

A luz natural e o ar são vitais para qualquer quarto, por isso é aconselhável ter dois tipos de cortinas; uma que permite a passagem da luz e mantém a privacidade quando desejado e outra de material escuro para a soneca dos menores. Quanto à luz artificial, luzes de néon ou cores intensas devem ser evitadas.

6. Conforto

Esse é o objetivo principal na hora de decorar o quarto das crianças. Se a criança se sentir confortável, aprenderá a valorizar o tempo sozinho e não irá para o quarto dos pais à noite.

7. Hábitos

Valores e bons hábitos podem ser transmitidos ensinando a criança a cuidar do seu espaço. Seus talentos e preocupações podem ser potencializados proporcionando-lhes espaços para fazerem o que gostam: ler, desenhar, dançar…

O uso de aparelhos eletrônicos deve ser regulamentado, por isso não é aconselhável colocar televisores e consoles de vídeo dentro do quarto, pelo menos até certa idade. Os sistemas de som são uma boa ideia, desde que não representem riscos à segurança, já que a música é um excelente estímulo.

8. Criatividade e personalidade!

Na hora de decorar o quarto das crianças é fundamental levar em consideração seus gostos, sugestões, personagens preferidos e opiniões, pois além de ser um espaço no qual passarão muito tempo, estará associado às melhores lembranças de sua infância.

Além disso, através dos elementos decorativos, também podem ser transmitidos valores, história familiar ou raízes culturais se trata de uma casa multicultural, etc.

Essas são as principais dicas a serem levadas em consideração na decoração de quarto infantil, aproveite-as para deixar o espaço de seu pequeno confortável e divertido!

 

Leia também: Como organizar um quarto de bebê junto com o dos pais, veja as dicas!

17 de fevereiro de 2021

Relacionado

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Valéria Queiroz

    Valéria Queiroz
  • Posts Populares

    • E aí, quer receber nossas novidades? ❤️

      Psiu! Receba dicas exclusivas no seu e-mail!

      Preencha abaixo seu e-mail e nós vamos enviar os melhores conteúdos e exclusividades para você!