(Foto: Bruno Marçal/Editora Globo)

Desejo de grávida-Comida ou “mistureba”?

Desejo de grávida – Não tem nada de capricho, só desejo!

Aquela que nunca sofreu com desejo de grávida, que atire a primeira pedra. hahha

Eu tive alguns desejos comuns na gestação, mas nada desesperador. Mas já li em grupos, alguns desejos um tanto intrigantes, como por exemplo abobrinha com chocolate, vontade de lamber tijolos e por aí vai…

E o dilema que paira sempre no ar é: Desejo de grávida realmente existe, ou é um mero capricho?

Desejo de grávida, verdade ou mito?

desejo de grávida
desejo de grávida

O desejo de comer algo específico ou esquisito, é comum entre as mulheres durante o período gestacional.

E acredite, não é mito ou capricho! Isso ocorre porque  as alterações hormonais e emocionais às vezes levam o organismo a “pedir” por substâncias até inusitadas.

Algumas esquisitices ou desejos inusitados:

  • Sorvete com bacon;
  • Doce de leite com jiló;
  • Melancia com maionese;
  • Feijão com chocolate;

E a realidade é, que quando o desejo de comer algo vem, não há nada que impeça e muitos maridões precisam correr atrás, para saciar a grávida hehe.

Toda grávida tem desejos?

desejo de grávida
desejo de grávida

A mudança do paladar não é uma regra geral, logo nem todas possuem desejos. Até porque muitas gravidinhas passam por enjoôs tão terríveis que a comida passa a ser a última de suas prioridades.

Portanto tem mulheres que passam a gravidez inteirinha sem sentir nenhum desejo, dos mais simples aos inusitados.

O capricho já foi descartado, agora entenda de forma mais detalhada

A partir da 12ª semana de gestação, o controle dos hormônios deixa de ser feito pelos ovários e passa para a placenta, e as características do estrogênio, por exemplo, mudam.

Isso leva à oscilação de humor e também do gosto, cheiro e preferências alimentares. Ou seja, você pode sentir vontade de se “deliciar” com uma comida que antes não era habituada e ter rejeição a alimentos de costume, como o feijão, por exemplo.

De acordo com a especialista Elizabeth Somer, autora do livro Nutrition for a Healthy Pregnancy e 10 Armadilhas que detonam a dieta de uma mulher (Ed. Gente). A incrível mudança hormonal pela qual as mulheres passam durante a gravidez pode ter um grande impacto no paladar e no olfato.

E o que fazer quando a grávida insiste em pedir algum alimento?

desejo de grávida
desejo de grávida-img baby center

Que a verdade seja dita, atender a vontade de uma comida diferente pode ser importante emocionalmente para  futura mamãe, ela se sentirá querida e amparada.

Mas  não se desespere se você marido não conseguir encontrar o que ela deseja! Fique em paz que nenhum dano será causado ao bebê.

Eu não encontrei o Abacate!!!

Tem maridos que sofre com os mitos, por não ter conseguido encontrar o que a esposa amada pediu.

Se você não conseguiu encontrar o abacate que ela pediu durante a noite, fez tudo que pode mas não era época da fruta. Respire tranquilo, seu filho não vai nascer com cara de abacate, ufa!

Nenhum alimento interfere nas características da pele nem das feições da criança. Esse é apenas um dos mitos sobre alimentação na gravidez.

Tem desejos que foge do convencional

Algumas gravidinhas tem uns desejos bem esquisitos, como comer terra, lamber tijolos…

“Eu acordei num sábado de manhã, chamei o meu marido e falei estou com vontade de comer cimento!”(Erika Arruda).

Alguns desejos como estes ocorrem por falta de ferro, zinco, cálcio,selênio que são micro nutrientes que tem no solo. Tais desejos precisam ser relatados aos médicos, para que possa ser avaliado.

E para encerrar este post veja estas dicas do Dr.Igor Padovesi, sobre alimentos que precisam ser evitados durante a gestação.

 

Um beijo e até a próxima!

Comentários no Facebook