Bruxismo infantil- Entenda os desafios e saiba como tratar

O bruxismo infantil – quando as crianças rangem os dentes

Olá, hoje vou compartilhar um conteúdo que estava conversando com algumas mamães semanas atrás (bruxismo infantil).

Fiquei atenta a cada experiência, pois várias crianças apresentam “sintomas”, e o pais não percebem.

E para falar melhor sobre este assunto, convidei a Dra Erica Gomez da Clinica Construindo Sorrisos , que já nos deu informações superimportantes de como cuidar dos dentes dos nossos filhos . Vejam…

O bruxismo infantil

Bruxismo infantil
como tratar bruxismo infantil

Olá pessoal é sempre um prazer poder compartilhar experiência com vocês! Tenho certeza que elas colaboram para o esclarecimento de várias dúvidas.

Vamos esclarecer o que é o bruxismo infantil-sintomas:

O bruxismo é uma desordem funcional ,que se caracteriza pelo apertar ou ranger os dentes em movimentos semelhantes aos da mastigação e que pode ocorrer em qualquer idade e em ambos os sexos.
Atualmente atinge cerca de 15% da população e afeta tanto crianças como adultos de qualquer idade.
O bruxismo infantil ou bruxismo em crianças é ainda mais frequente do que o bruxismo nos adultos, e esta desordem tende a diminuir durante a adolescência.

Bruxismo infantil causas:

Distúrbios neurológicos (autismo por exemplo), hábitos alimentares inadequados e fatores hereditários estão entre as principais causas do bruxismo na infância.
Sendo detectável até aos 6 anos de vida, pode ser considerado ainda como bruxismo fisiológico, e na maioria das vezes, não exige muita preocupação, sendo necessário acompanhamento com especialista geralmente a cada 6 meses.
A partir dessa idade, já havendo um desgaste dentário mais acentuado e na presença de sintomatologia associada (dor de cabeça por exemplo), já passa a ser considerado bruxismo patológico, e como tal, passível de tratamento tão breve quanto possível, a fim de se evitar consequências muito mais difíceis de contornar.

O bruxismo em bebê

Também pode ocorrer, e manifesta-se logo após o nascimento dos primeiros dentes, o que normalmente ocorre entre os 6 e os 8 meses de vida, estes casos normalmente são de pouca relevância e tendem a regredir naturalmente.

Algumas observações sobre o bruxismo infantil noturno

bruxismo infantil
bruxismo infantil noturno

Crianças com bruxismo tem 16 vezes mais chances de serem ansiosos… E dentre as possíveis causas do bruxismo infantil, podemos citar:

  • fatores hereditários (representam 21 a 50% dos casos);
  • fatores de ordem sistêmica: respiração bucal, deficiências nutricionais, distúrbios neurológicos (por exemplo: autismo);
  • fatores oclusais: quando existem interferências dentais que impedem que a mordida tenha um bom encaixe;
  • fatores emocionais: chegada de um irmão, divórcio na família, escola nova, hiperatividade, entre outros;
  • hábitos alimentares inadequados:Crianças que não mastigam alimentos consistentes e não usam a sua função mastigatória podem procurar suprir esta necessidade e através do ranger dos dentes.

Dicas para evitar o bruxismo infantil noturno

bruxismo infantil
Como identificar o bruxismo infantil noturno
  • Estimular a criança a comer alimentos fibrosos e em pedaços pequenos, para que possam desenvolver uma mastigação vigorosa e eficiente;
  • Ter cuidados com hábitos prolongados de chupeta e mamadeira. Eles alteram a mordida da criança podendo criar interferências dentais e alterações musculares e ósseas;
  • Procurar propiciar um ambiente tranquilo que anteceda o sono. Evite deixar luzes acesas, assistir televisão ou usar o computador ou videogame antes de ir para a cama.
  • Atenção na hora de programar a rotina de atividades de seu filho. Lembre-se que crianças precisam de tempo para brincar.

Atenção

bruxismo infantil

Mamães esperamos que este assunto tenha contribuido para esclarescer algumas dúvidas que recebemos, se ainda querem saber mais detalhes, pode deixar seu comentário no fim deste post, a Dra Érica responderá.

Como vimos o ranger dos dentes, é bem mais comum a noite, mas se isso ocorrer de forma intensa a criança pode fazer algumas reclamações durante dia, passível de ascender um sinal de alerta, como por exemplo: dor de cabeça, zum-zum no ouvido, dores musculares no rosto e ter estalos na região da mandíbula.

Se alguns destes sintomas aparecerem , por conta dos barulhos dos dentes (ranger), é importante levar a crianaça ao dentista de sua confiança, desta forma será feita uma avaliação e as medidas corretas poderão ser tomadas.
Como citado também pela Dra Érica é muito importante também, avaliar os hábitos de casa, para ver se algo não está contribuindo para gerar o bruxismo infantil.

Um beijo e até mais!

Erica Gomez

Erica Gomez

Cirurgiã-Dentista formada pela UNESP.Especialista em Ortodontia e Implantodontia. Telefone: (19)3217-6601; (19)98897-7243 (Whatsapp) Facebook: Construindo Sorrisos Monte Mor/E-mail: construindosorrisos@hotmail.com Consultório: Avenida Jânio Quadros, 1053-A. Centro, Monte Mor.

Comentários no Facebook