Quando devo procurar um fonoaudiólogo para meu filho?

quando procurar fonoaudiólogo

A tarefa de educar um filho não é nada fácil, é bem árdua. São inúmeras responsabilidades e compromissos com a saúde e o desenvolvimento motor deles. Algumas vezes, as crianças podem ter certas dificuldades nesse desenvolvimento, e é aí que entra a figura do fonoaudiólogo. Mas você sabe exatamente o que faz esse profissional? E quando é preciso procurar um fonoaudiólogo? Neste artigo será possível tirar as principais dúvidas sobre o assunto.

Quem é o profissional de fonoaudiologia? 

O fonoaudiólogo trabalha com a comunicação, seja de crianças ou seja de adultos, atuando na reabilitação que por algum motivo possa ter sido alterada, seja por alterações neurológicas, autismo, deficiência auditiva ou alguma síndrome. Em alguns casos, há somente um atraso no desenvolvimento da fala e da linguagem, sem maiores alterações ou algum fator determinante.

O trabalho desta terapia visa aprimorar ou facilitar a comunicação das crianças e adultos.

A terapia fonoaudiológica não atua somente com crianças que falam de maneira errada, existem outras situações, como atraso na fala, atraso na linguagem, dificuldades na leitura, síndromes, paralisia, gagueira e entre tantas outras causas.

Como funciona a terapia fonoaudiologia? 

O objetivo da terapia é o estímulo ao desenvolvimento da criança e com isso gerar as condições para viverem a experiência de um aprendizado dentro do seu tempo e de suas próprias limitações. A terapia utiliza também diferentes formas de estímulo ao desenvolvimento da fala e da linguagem.

A fonoaudiologia, quando trata as crianças, utiliza-se de atividades lúdicas, pois a criança aprende melhor brincando e assim retém melhor as informações. Desta maneira podem experimentar e descobrir objetos, sentimentos e sensações.

O tratamento traz melhoria na linguagem e na fala de crianças, e esses efeitos durarão e refletirão até a fase adulta.

O fonoaudiólogo também atua na reabilitação das funções respiratórias e nas áreas relacionadas à mastigação, deglutição, articulação da fala e expressão facial. Atendendo a adultos e crianças.

É importante ratificar a informação de que o profissional fonoaudiólogo não deve ser procurado somente quando a criança apresentar problemas na fala. A terapia fonoaudiológica vai mais além. Além da oralidade, ela cuida das dificuldades na escrita, como, por exemplo, no caso da dislexia. Também atua nos problemas de respiração, voz e dificuldades para mastigar, sugar ou engolir.

Quando a capacidade de comunicação da criança está limitada, e ela cresce com essa limitação, é certo que isso afetará o seu convívio social. Por isso, são utilizadas várias técnicas e ferramentas para auxiliarem no desenvolvimento dessa habilidade.

Então quando procurar fonoaudiólogo para a criança?

Durante a infância, mas precisamente nos cinco primeiros anos de vida, há uma capacidade maior de aprendizado, pois existe a neuroplasticidade do cérebro. A neuroplasticidade é a capacidade cerebral de se moldar, se adaptar e aprender. Por isso quanto mais cedo for um diagnóstico de deficiência na aprendizagem, maiores serão as possibilidades de sucesso no tratamento.

Por ser um período propício ao desenvolvimento da comunicação e da linguagem, se torna o melhor período para diagnósticos de possíveis traumas.

Para que isso ocorra é importante que as pessoas que convivem com as crianças estejam atentas a todos os sinais relacionados ao desenvolvimento da linguagem e da fala. É importante que a criança seja sempre estimulada e assim tenha habilidades e capacidades para se expressar e compreender melhor a si e o outro.

quando procurar fonoaudiólogo

Não é uma tarefa fácil identificar os sinais de que algo não vai bem, seja pela correria do dia a dia ou até mesmo pelo aspecto de negação, achando que está sempre tudo bem. Mas saiba que o fato de haver algum tipo de atraso, não necessariamente significa que há um problema sério, às vezes não há nada relacionado a isso e basta apenas uma “mãozinha” da profissional para que a criança inicie seu desenvolvimento.

Lembre-se que cada criança tem seu tempo, suas limitações e sua capacidade de aprendizado. Não dá pra fazer comparações, tipo uma falou mais rápido que a outra, eles são seres únicos. Por isso estude sobre o assunto, estimule a comunicação de seu filho e fique atento a possíveis sinais de que algo não vai tão bem.

Buscar a ajuda de um fonoaudiólogo será muito importante na busca desses sinais, em caso de dúvidas procure o profissional, converse sobre os aspectos do desenvolvimento e que elementos são importantes, e a quais deles é preciso estar sempre atento.

 

Gostou de nossas dicas sobre quando procurar um fonoaudiólogo? Leia também: Ingredientes para aumentar a imunidade: conheça os principais

10 de fevereiro de 2021

Relacionado

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Valéria Queiroz

    Valéria Queiroz
  • Posts Populares

    • E aí, quer receber nossas novidades? ❤️

      Psiu! Receba dicas exclusivas no seu e-mail!

      Preencha abaixo seu e-mail e nós vamos enviar os melhores conteúdos e exclusividades para você!